top of page
  • Foto do escritorAna Maria

Cida e Lúcia - força ancestral que elucida


Nesses dias me lembrei de Tia Lúcia e do nosso encontro.

Não sei se foi no IPN ou na Praça da Harmonia, lembro de sempre ter ela no meu roteiro pelo Rio Antigo, em seu ateliê…



Ouvir estorias e navegar com ela.

Hoje ela habita noutra dimensão, mas vez ou outra sinto a sua presença.



Conheci Aparecida e essa lembrança ficou viva.

Cida Conceição é Saboeira e Agricultora Familiar, viajamos juntas para o Encontro da Rede de apoio a Mulheres Agroflorestoras -EnRaMa.


Cida tem uma história de Luta e Movimento, Tia Lúcia também!


Cida logo se tornou uma avó para Iamandu e uma amiga para mim. Ficava com ele para eu tomar banho e me alimentar.



Combinamos de nos rever nas férias escolares e, aqui, Cida chegou!


- Tranquilo! - Quase um mantra que ela diz pra quase tudo!

- Tá tranquilo! - E assim ela vai ensinando…

Pães, Caponatas, Beneficiamentos, ervas e o sabão!

Tudo com muita simplicidade!

Que exemplo de pessoa! Que visita boa!


Saiu com suas bolsas levando mudinhas para sua horta e deixou aprendizados pra vida por aqui.


Duas mulheres pretas referências para mim.


Gratidão, Cida!

Gratidão, Tia Lúcia!


14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page